terça-feira, 3 de novembro de 2009

Era uma vez na América


“O meu amado é branco e rude . E sua pele é o mais fino ouro...
“Mas ele sempre será um vagabundo... Eu nunca poderei amá-lo... Que vergonha!” (do filme Era Uma Vez na América)


Era uma vez na América. Mais uma vez escolhi uma cena deste filme memorável. Obra prima de Sergio Leone. Já falei, quando usei pela primeira vez uma cena deste filme, que por mim não escolheria apenas uma cena e sim o filme todo. Mas, esta não é a proposta das cenas reminiscentes. Escolhi então, que me perdoem os amigos leitores, duas cenas. Na verdade uma complementa a outra. A primeira, do balé, dispensa qualquer comentário. É preciso apenas assistir e se deliciar com os detalhes e a belíssima música de Enio Morricone. Música que também é fundamental na cena seguinte. O diálogo (ou monólogo), que mais uma vez não encontrei com legendas em português, marca uma cena muito bonita e para quem já viu o filme entenderá sua importância.

video video

Nenhum comentário: