domingo, 31 de janeiro de 2010

Lance Armstrong: por mais um momento...

"O verdadeiro heroísmo consiste em
persistir por mais um momento, quando tudo parece perdido".
( W. F. Grenfek )


Lance Armstrong é um verdadeiro herói. Não tenho nenhuma dúvida. Quem conhece sua história concordará. Vencer por sete vezes o Tour de France, percurso composto de mais de 3000 km de estradas irregulares e montanhosas que, de certa maneira, representam uma volta na França, é um feito incrível. Mas esta não é a maior vitória de Lance.
Lance nasceu a 18 de Setembro de 1971. Iniciou sua carreira profissional em 1992. Desde cedo, mostrou-se um ciclista completo e de grande talento. Em 1996, já campeão do mundo, Lance observou uma grande inflamação na virilha, e habituado a ignorar a dor não lhe deu importância, até que começou a vomitar sangue, a ter perdas de visão e enxaquecas. O diagnóstico: câncer no testículo. Além disso, os médicos também descobriram dois tumores, do tamanho de bolas de golfe, um pulmão e outro no cérebro. Seu contrato com a equipe francesa Cofidis foi reincidido. Lance Armstrong precisou vender seu Porsche e quase perdeu sua casa. Numa entrevista Lance disse ao referir-se ao câncer: "Enganaste-te na pessoa ao escolheres um corpo para viver, cometeste um erro porque escolhestes o meu".
Aos 25 anos, numa conferência de imprensa, Lance declarou que sofria da grave doença. Um ano mais tarde, embora os médicos lhe dissessem que a probabilidade de viver fosse apenas de 40%, Lance não desistiu, e anunciou que iria regressar. Em 1999, venceu o Tour de France. O que aconteceria depois mais seis vezes. Recorde absoluto. Lance Armstrong não é uma pessoa qualquer. Lance persistiu por mais um momento, quando tudo parecia perdido.

Fonte de consulta: Wikipédia – A enciclopédia livre

video

sábado, 30 de janeiro de 2010

Carré de cordeiro... Perfeito!


A quinta perfeita. Foi assim esta semana. Impossível querer explicar. Começou com a preparação do prato principal pelo amigo Reinaldo, enquanto degustávamos um sauvingnon Blanc chileno como aperitivo. O prato: carré de cordeiro com molho de vinho branco e especiarias, purê de batatas e arroz branco com alcaparras.



1) MISSIONES DE RENGO

Tinto - 2007
Produtor - Messiones de Rengo
País – Chile
Castas – Cabernet Sauvignon
Região – Rapel
Teor alcoólico – 14%
Degustação - Este Cabernet Sauvignon do Valle de Rapel é profundamente vermelho, com sabores doces e aromas de frutas maduras, especiarias e corpo chocolate.

2) COUSIÑO MACUL ANTIGUAS RESERVA

Tinto – 2006
Produtor – Consiño Macul
País – Chile
Região – Maipo – Valle Central
Castas - Merlot
Graduação – 14%
Degustação – Vinho de coloração intensa, encorpado e frutado com aromas de cravo e canela.

sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

Aspas Reminicentes...


"Não existe esta coisa de homem feito por si mesmo.
Somos formados por milhares de outros. Cada pessoa
que alguma vez tenha feito um gesto bom por nós, ou dito uma palavra de encorajamento para nós, entrou na formação do nosso caráter e nossos pensamentos, tanto quanto do nosso sucesso."

(George Matthew Adams)

quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

Cultura oriental...


"Um homem não está acabado quando enfrenta a derrota.
Ele está acabado quando desiste".

( Richard Nixon )



Muitas são as diferenças culturais do povo japonês. Principalmente ao compararmos com os costumes deste lado do ocidente. Um bom exemplo são os Kamikazes. Uma rápida consulta ao site da Wikipédia pode nos ensinar um pouco a respeito destes bravos pilotos. Os Kamikazes ficaram conhecidos durante a Segunda Guerra Mundial. Os pilotos japoneses arremessavam seus aviões contra alvos inimigos sacrificando a própria vida. A história é conhecida por todos. Mas, o que muitos desconhecem são as razões que motivaram atitude tão insana. “Devido ao costume sacramentado e a cultura japonesa de que a derrota ou o fracasso em sua missão era motivo de desonra, não hesitavam em executá-las da melhor forma possível”.
Sendo assim, após esta pequena aula cultural, torna-se compreensível o empenho dos guardas na plataforma dos trens no Japão. Com certeza, poderão se orgulhar do êxito na execução de difícil tarefa. Fico imaginando se por aqui fossem usadas medidas parecidas...

video

quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

Pedra de previsão do tempo!


"Estamos nos anos inicias de um tempo que
chamo de década digital - uma era em que computadores deixarão
de ser meramente úteis para se tornar uma parte significativa
e indispensável de nossa vida diária".
(Bill Gates)

Alguém pode duvidar de Bill Gates? Acho que não. Realmente vivemos tempos em que a tecnologia está em toda parte. A simples queda de energia pode significar o caos. Certamente, a meteorologia é uma das áreas que mais se aproveitou dos recursos tecnológicos disponíveis nos dias de hoje. Ao final da tarde, tempo fechado com pancadas de chuva isolada. Infalível. Pode levar o guarda chuva. Será inevitável. Porém, um novo aparato tecnológico promete revolucionar a previsão do tempo. Trata-se da Pedra de previsão do tempo. Infelizmente, desconheço o criador ou o local em que podemos encontrá-la. Segundo ouvi dizer, a tal pedra pode nos levar a uma nova era da cortina de ferro. Muitos países já mandaram seus espiões. O nome do inventor desta grande engenhosidade deve estar sendo mantido em segredo. A foto abaixo foi registrada por um espião que prefere ter sua identidade mantida em sigilo. Veja a foto inacreditável.

terça-feira, 26 de janeiro de 2010

Reações...


"Os instintos são formas típicas de comportamento,
e todas as vezes que nos deparamos com formas de reação que se

repetem de maneira uniforme e regular, trata-se de um instinto,

quer esteja associado a um motivo consciente ou não".
(Carl Gustav Jung)


Em The Origin of Species (A origem das espécies), Charles Darwin afirma que os indivíduos diferem uns dos outros. Na luta pela existência, a seleção natural é realizada através da competição entre indivíduos. Os mais adaptados deixarão maior número de descendentes. Trata-se da renovação da espécie. É bom renovar. Principalmente ao iniciarmos um novo ano. Falando nisso, andei pensando em fazer algumas mudanças aqui em casa. Confesso; estava sem inspiração. Não tinha a menor idéia de por onde começar. Muito menos aonde gostaria de chegar. Estava a ponto de desistir.. Porém, um vídeo deu luz aos meus desejos e renovou minhas esperanças. Claro que, assim como na teoria da evolução, a briga aqui em casa poderá levar uma eternidade. Mas, resolvido esta pequena questão de egos, iniciarei a obra imediatamente. Certamente, ao recebê-los em casa, os amigos terão reação parecida com a apresentada pelos rapazes no vídeo. Veremos...

video

segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

Mediterrâneo


“Em tempos como estes, a fuga é a única
maneira de permanecer vivo, e continuar a sonhar ”
(Henry Laborit, no início do filme Mediterrâneo)


Mediterrâneo, como diriam os italianos, é um filme belíssimo. Pura poesia. Durante a segunda guerra mundial, um grupo de soldados é abandonado em uma pequena ilha do mar da Grécia. O lugarejo parece estar abandonado. Mediante a tamanha tranquilidade, os soldados aproveitam para relaxar. Aos poucos, os moradores vão percebendo que os soldados italianos não são perigosos e vão abandonando seus esconderijos nas montanhas. Os soldados, então percebem que a ilha não é deserta. “Portanto, logo descobrem que serem deixados para trás em uma paradisíaca ilha grega esquecida por Deus, não é uma coisa tão ruim assim...” (Interfilmes)
A cena reminiscente, escolhida do filme, nos dá a noção exata do que esperar do filme. O filme não é para ser visto. É para ser contemplado.

video

sábado, 23 de janeiro de 2010

Futebol depois dos 40...


"Atividade física não é apenas uma das mais importantes
chaves para um corpo saudável -- ela é a base da atividade
intelectual criativa e dinâmica."

( John F. Kennedy )

Praticar atividade física é um hábito saudável. Ninguém duvida. Jogar uma bolinha com os amigos pode ainda servir como uma importante higiene mental. Nos dias de hoje é importante termos um tempo para aliviar o stress diário. Já faz tempo que estou afastado desta prática tão importante. O vídeo a seguir lembrou-me de como são bons estes momentos. Preciso voltar urgentemente.


video

Fazendo a diferença


"Bons líderes fazem as pessoas sentir que elas estão no centro das coisas, e não na periferia. Cada um sente que ele ou ela faz a diferença para o sucesso da organização. Quando isso acontece, as pessoas se sentem centradas e isso dá sentido ao seu trabalho."
( Warren G. Bennis )

Em nome do profissionalismo, muitos lugares costumam acreditar que para sermos profissionais devemos deixar as relações humanas de lado. O que vale é o resultado. O lucro obtido. Enganam-se.
Felizmente, em meu trabalho, tenho a felicidade de conviver com pessoas especiais. Márcia, Rebeca, Sandra, Ana e Deise. Atitudes como a delas não podem passar despercebidas. São pessoas como elas que fazem a diferença. Estamos sempre recebendo um presentinho e mensagens que nos fazem refletir. Não é pelo presente. É pela lembrança. Pelo cuidado e preocupação. Este ano, não foi diferente. Novo presentinho e nova mensagem para dar as boas vindas ao ano que começa. Resolvi transcrever a mensagem aqui. Para dividir com os amigos destas reminiscências. Para mim, tais atitudes não passam despercebidas. Muito pelo contrário. Elas fazem toda a diferença.

Sabedoria de Teresa de Calcutá

A menos que seu trabalho seja feito com amor, ele é inútil. Trabalhar sem amor é escravidão.
É fácil amar as pessoas que estão distantes. Não é fácil amar as que estão perto de nós. É mais fácil dar um prato de comida a um faminto do que abrandar a solidão e o sofrimento de quem precisa de amor em nossa própria casa.
É muito difícil orar se não sabemos como fazê-lo. Devemos ajudar a nós mesmos a aprender. O mais importante de tudo é o silêncio.
Devemos nos acostumar com o silêncio da alma, dos olhos e da língua. Tudo começa com a prece que nasce do silêncio do coração.
Silêncio do coração, não somente da boca, ambos são necessários. Então você poderá ouvir a Deus em todo lugar; no fechar de uma porta, na pessoa que precisa de você, nos pássaros, nas flores, nos animais, aquele silêncio que é maravilha e louvor.
Se prestarmos atenção ao silêncio, será fácil orar. Há muita conversa; muita repetição...
Estando só ou acompanhado, procure Deus no silêncio. É lá que acumulamos o poder interior, que distribuímos pela ação, utilizando-o tanto nas tarefas menores quanto nas nossas horas de mais sofrimento.
É muito difícil conseguir o silêncio interior, mas precisamos fazer um esforço. No silêncio encontramos energia nova e unidade verdadeira para fazer todas as coisas bem feitas.

Que este ano que se inicia seja uma oração diária, repleta de equilíbrio, amor e paz interior, trazendo cada um de nós muita luz, sabedoria e paciência.

Feliz 2010!
Márcia, Rebeca, Sandra, Ana e Deise

sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

A consciência de Zeno


"Minhas resoluções são agora menos drásticas e,
à medida que envelheço, torno-me mais indulgente para com minhas
fraquezas. Ao envelhecermos, sorrimos da vida
e de todo o seu conteúdo."
(do livro A consciência de Zeno)


Quem me conhece sabe que a natureza humana, de certa maneira, me fascina. Talvez, por esta razão também acabei fascinado pelo livro indicado nesta semana.
"Já no fim da vida, Zeno Cosini, um bem sucedido empresário de Trieste (norte da Itália), decide fazer um balanço de suas experiências no divã de um analista". A consciência de Zeno, livro de Italo Svevo, foi lançada na Itália em 1923. Segundo Bernardo Ajzenberg, "vício de fumo, infidelidade conjulgal permanente, ciúme doentio, inveja, hipocrisia, fingimento, cinismo, imposturas, medo da velhice, fúria, indiferença para com a família... a lista de pecados de Zeno é extensa – como são ilimitados os sonhos e as fantasias que a alimentam".

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Oitavo contato...


SEGUE OITAVA PARTE DA CARTA DESTINADA A VOCÊ QUE SE ENCONTRA EM MEU PODER. NÃO ESTOU AUTORIZADO A INFORMAR-LHE QUANTAS AINDA RESTAM. ESPERO QUE ENTENDA.

Viva. Não hesite. Não tenha medo. "O único homem que nunca comete erros é aquele que nunca faz coisa alguma. Não tenha medo de errar, pois você aprenderá a não cometer duas vezes o mesmo erro". A frase de Roosevelt é uma verdade incontestável. Por outro lado, ao fazer tal afirmação, ele jamais poderia imaginar encontrar-se na situação em que estou agora. Tenho a oportunidade de evitar erros cometidos no passado. Poderá facilmente imaginar o dilema ou o paradigma que se instaura.
Em contrapartida, alguns erros podem ser evitados. Nada aprenderemos com eles. Não acrescentarão nenhuma forma de sabedoria. Apenas servem para carregarmos o arrependimento. Deles, lembraremos sempre. Pois, meu caro, são estes erros que tentaremos evitar. Na verdade, eu tentarei. Você terá a chance de não cometê-los. Mas preste muita atenção. Não lhe entregarei tudo assim facilmente. Isto sim seria um erro. Jamais contarei a você qualquer acontecimento futuro. Será sua a responsabilidade de, um dia, identificá-los e tomar a decisão correta.
Faltam ainda quatro anos para completar dezoito anos. Como qualquer garoto, você espera ansiosamente por esta data. Não preciso falar-lhe os motivos. Conhece-os melhor do que ninguém.
Com a maioridade, um mundo totalmente novo e até então proibido abre-nos as portas. Tirar a carteira de habilitação, por exemplo, é uma das primeiras coisas que encontramos ao atravessar esta porta. Mas, precisará ter cuidado. As aulas de volante na auto-escola existem por uma razão. Dirigir um carro pode não ser uma boa idéia se ele não for seu. Lembre-se, não importa o quanto confiem em você. Siga os seus instintos. Estes são os fatos que precisava tomar conhecimento. É preciso apenas que saiba disso. Nada mais tenho a acrescentar. É suficiente para que, nada hora certa, seja capaz de tomar uma decisão. Agora, tudo pode parecer muito confuso. É natural. Não poderia ser diferente...

ATÉ O PRÓXIMO CONTATO. MAIS TREZENTAS PALAVRAS LHE SERÃO ENVIADAS.

segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

Aspas Reminiscentes


"A verdadeira coragem não
é não sentir medo.
É não permitir que
os medos dominem você."

(Joel Schorm)

O malabarista...


"Um gênio criativo não pode ser treinado.
Não existem escolas para criatividade. Um gênio é precisamente
um homem que desafia todas as escolas e regras, que se desvia dos
caminhos tradicionais da rotina e abre novos caminhos através de terras
inacessíveis antes. Um gênio é sempre um professor, nunca um aluno;
ele é sempre feito por si mesmo. "
( Ludwig von Mises )

Não tenho me empolgado muito com o futebol. Não falo como torcedor. Não é este tipo de empolgação. Messi foi eleito o melhor do mundo em 2009. Claro, é um grande jogador e teve um ano excepcional. Mereceu. Mas, o último jogador que vi algo de genial foi Ronaldinho Gaúcho. Para muitos, apenas um malabarista com a bola. Entendo. Mas, para mim, ele era diferente. Com a sua decadência, nos últimos anos, esta imagem estava cada vez mais arraigada no mundo da bola. A pergunta a ser respondida era: o que aconteceu? Ninguém tinha a resposta. Agora, com a proximidade da Copa do mundo, acho que o Dunga vai ter que arrumar um lugar para ele. Para quem ainda têm dúvidas, basta ver os lances do último jogo do Milan. As jogadas do Gaúcho nos fazem esquecer os anos ruins. Não importa o que aconteceu. Viva o malabarista.

video

sábado, 16 de janeiro de 2010

História bem contada


"Viva da sua imaginação, não da sua história."
( Stephen Covey )


Podemos acreditar em qualquer história. Por mais inverossímil que possa parecer. O importante é a habilidade de quem a está contando. Conheço ótimos contadores de história. Alguns, apenas através dos livros. Pode ser que em dado momento de nossas vidas, sejamos obrigados a explicar algo praticamente impossível. Nunca saberemos quando esta hora chegará. É melhor estarmos preparados. O vídeo a seguir é um bom exemplo. Ele é mais uma colaboração do Marcel, amigo fiel destas reminiscências. Assistam e preparem suas histórias.

video

- Mamãe, mamãe... o leiteiro chegou. Tem dinheiro para pagar ou eu tenho que ir brincar lá fora?

Assim é...

"Um amigo verdadeiro não te visitará na prosperidade a menos que o convides; mas quando estás na adversidade, visitar-te-á sem ser convidado." ( Autor Desconhecido )

Finca La Linda Malbec 2007


"Os homens se assemelham aos vinhos:
a idade estraga os maus e melhora os bons."
( Marie von Ebner-Eschenbach )

Nesta quinta, nada de muito elaborado. Nada de diferente. Não precisou. Apenas bons vinhos. Já é suficiente. Na tábua para acompanhar o motivo destes encontros semanais tínhamos: tender, um ótimo pão português e biskui’s, e ainda dois patês. Os vinhos... ah os vinhos! Sempre acabamos sendo surpreendidos de alguma maneira. O segundo vinho da noite estava acima de nossas expectativas. Uma excelente relação custo/benefício.


1) CONSINO MACUL

Tinto – 2006
Produtor: Consino Macul
País: Chile
Uvas: Cabernet Sauvignon
Teor Alcoólico: 14 % Vol.
Degustação: Muita fruta. Um vinho redondo, fácil de beber. Cabernet Sauvignon no melhor estilo.

2) FINCA LA LINDA
(o vinho merece uma ficha técnica um pouco mais aprofundada)

Tinto – 2007
Produtor: Luigi Bosca
País: Argentina
Região: Comunidade de Luján de Cuyo, distante 15 km ao sul da capital Mendoza. Altitude 960m, sobre a encosta leste da montanha. Proprietária do vinhedo desde 1905.
Uvas: Malbec
Envelhecimento: 3 meses em carvalho francês de segundo uso.
Teor Alcoólico: 14 % Vol.
Degustação: Cor vermelho-rubi intensa. Percebem-se aromas de ameixas maduras, cerejas e especiarias doces. Na boca os taninos se mostram aveludados, típicos da Malbec. De boa estrutura, fino e moderno. Vinho moderno e encorpado, com aromas clássicos de ameixa e cereja madura, e taninos muito sedosos. (Fonte: Decanter Vinhos)

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Os intocáveis



"O cinema possibilita o contar histórias diferentes
por mais que o tema seja o mesmo: flagrar o movimento do
homem rumo à redenção. Há sempre uma
alegoria por trás da história."
( Rob Cohen )
Quando comecei com a história das cenas reminiscentes, Os intocáveis era um dos filmes que me motivaram. Seguramente uma cena do filme deveria ser exibida por aqui. Não sei por que demorei tanto tempo para fazê-lo. Mas, como dizem, antes tarde do que nunca. Infelizmente, a cena não está legendada. Nela, Al Capone encarnado impecavelmente por Robert De Niro, fala sobre a importância do trabalho em equipe. A cena é forte. Violenta. E claro, inesquecível.

video

Incompreendidos...


"Quem não compreende um olhar,
tampouco compreenderá uma longa explicação."

( Mario Quintana )

Um jogo de futebol pode ser algo realmente muito sério. Pelo menos para a maioria de nós homens. É fato que muitas vezes não somos compreendidos pelas mulheres. Acho que às vezes é pura falta de sensibilidade. Outras, porque está no sangue mesmo. Ou é cultural. Da humanidade. No vídeo abaixo não sei bem qual caso se aplica. Tirem suas conclusões...

video

- Mamãe, mamãe... por que a noiva está vestida de branco?
- Porque é o momento mais feliz de sua vida.
- Ah! e por que o noivo está vestido de preto?
- Cala a boca!


terça-feira, 12 de janeiro de 2010

Frases...


“Quando nada parece ajudar, eu vou ver o cortador de pedra
martelando sua rocha talvez cem vezes sem que uma só rachadura apareça.
No entanto, na centésima primeira martelada, a pedra se abre em duas,
e eu sei que não foi aquela a que conseguiu, mas todas as que vieram antes.”
(Jacob Riis)

A frase de Jacob Riis é uma de minhas preferidas. Sempre foi. Ou pelo menos desde que a li pela primeira vez. Não é necessário falar ou tentar dar nenhuma explicação a respeito das minhas razões. Simplesmente porque sou assim mesmo. Como na frase. Esta postagem era apenas para falar sobre as frases. Sim, as frases. Existe outra. Mas antes de revelá-la resolvi exibir um vídeo. Apenas para ficar mais interessante. O nome do vídeo é Pense na sua vida. Depois do vídeo leiam a outra frase e compreenderão.Clarice Lispector. Apenas leiam.

video

"Sonhe com aquilo que você quiser. Vá para onde você queira ir. Seja o quê você quer ser, porque você possui apenas uma vida e nela só temos uma chance de fazer aquilo que queremos. Tenha felicidade bastante para fazê-la doce. Dificuldades para fazê-la forte. Tristeza para fazê-la humana.E esperança suficiente para fazê-la feliz. As pessoas mais felizes não têm as melhores coisa. Elas sabem fazer o melhor das oportunidades que aparecem emseus caminhos. A felicidade aparece para aqueles que choram. Para aqueles que se machucam. Para aqueles que buscam e tentam sempre. E para aqueles que reconhecem a importância das pessoas que passam por suas vidas. O futuro mais brilhante é baseado num passado intensamente vivido. Você só terá sucesso na vida quando perdoar os erros e as decepções do passado. A vida é curta, mas as emoções que podemos deixar duram uma eternidade. A vida não é de se brincar porque em pleno dia se morre."
(Clarice Lispector)

segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

Sétimo contato


CARO EMERSON. CONTINUO A ENVIAR-LHE AS CARTAS. APESAR DE DESCONHECER SEU CONTEÚDO, ESPERO QUE ESTEJAM SENDO DE GRANDE AJUDA.

Talvez seja, ainda, a única coisa que lhe prenda ao universo infantil que está a ponto de deixar para trás. Em bem pouco tempo ele ficará perdido em sua memória. Perdido não, guardado. Na verdade, pensei que seria mais fácil. Quando comecei a lhe escrever, tinha em mente tudo que gostaria de lhe contar. Agora, fico pensando exatamente o contrário. Penso sobre o que não devo lhe falar. Imagino o quanto é difícil para você entender. Deve estar neste momento, ávido por respostas. Seria o caminho mais fácil. Entendo. Mais confesso que não sei se seria o correto. Nunca foi minha intenção mudar quem você se tornou. Hoje, temo que possa fazê-lo através desta carta. Não farei. Giovanni Boccaccio escreveu que "É melhor arrepender-se por ter feito alguma coisa do que por não ter feito nada." Boccaccio viveu no século XIV, comparado a ele, a distância que nos separa parece de apenas algumas horas. Quero que você entenda, preciso ter cuidado. Tenho medo. Hoje, mesmo sabendo que gostaria de fazer algumas coisas diferentes, receio que tais mudanças possam interferir em outras que não mudaria jamais. Devo estar lhe deixando muito confuso. Estou confuso. Você se preocupa demais. Vai aprender a lidar com isso. Após mais de vinte anos, você aprendeu. Alguns livros ajudaram. Continue lendo-os. Mas, apesar de tudo vou lhe dar um conselho. Não será fácil colocá-lo em prática. Será preciso uma mudança de atitude. Hoje, você anda meio revoltado com tudo. Não é necessário negar. Você ainda não tem consciência disto. Terá que acreditar em mim. As coisas não são tão difíceis como pensa. Pelo menos, ainda não. Talvez jamais venham a ser. Elas se complicam muito na medida em que envelhecemos. O conselho que lhe darei, a princípio parecerá simples e até óbvio demais. Mas você precisa ouvi-lo. Não desperdice oportunidades. Elas aparecerão. Viva. Não hesite. Não tenha medo.

AGUARDE PRÓXIMA CARTA. ENVIAREI ASSIM QUE FOR AUTORIZADO.

domingo, 10 de janeiro de 2010

Dublinenses


A idéia veio de uma mania minha. Quem me conhece sabe que não apenas sou um leitor inveterado como também possuo muitos livros. Invariavelmente tenho como costume abrir um livro em uma página qualquer e ler o seu conteúdo. Não me pergunte a razão. Não existe nenhuma. Por motivos óbvios, adotarei sempre a página 72 de qualquer livro para transcrever seu conteúdo aqui no blog.. Talvez a idéia não seja das melhores, mas vamos ver para onde ela nos levará. Não escolherei o conteúdo. Pegarei um livro e abrirei na página 72. Simples assim. Vejamos o que acontece.

Do livro Dublinenses de James Joyce

“(...) distanciava-se da vida antiartística e medíocre que levava. Uma luz começou a brilhar no fundo de sua alma. Não era muito velho – tinha trinta e dois anos. Podia-se dizer que seu espírito apenas alcançava a maturidade. Havia tantos sentimentos e impressões que desejava expressar em versos. Sentia-o dentro de si. Procurou analisar-se para ver se tinha uma alma de poeta. Melancolia era a nota predominante em seu temperamento. Mas essa melancolia, pensou, era moderada por acessos de fé, resignação e alegria singela. Se conseguisse expressar isto num livro de poemas, talvez o ouvissem (...)” (p. 72)

sábado, 9 de janeiro de 2010


"Não faça pequenos planos; eles não têm mágica
para agitar o sangue dos homens. Faça grandes planos,
mire alto com confiança e trabalhe."
(Daniel H. Burnham)

video

quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

O resgate do soldado Ryan



"Tentei vicer a vida o melhor que pude. Acho que consegui."
(do filme: O Resgate do soldado Ryan)


Steven Spielberg, sem nenhuma dúvida, é um dos maiores diretores de Hollywood. Seus filmes são todos consagrados. Evidentemente cada um tem o seu preferido. O Resgate do soldado Ryan é o meu. Escolhi a cena inicial do filme, aonde é retratada a invasão da Normandia (Omaha Beach). Não preciso falar nada a respeito da cena. Obra prima. Basta assistir e comprovar.

video

terça-feira, 5 de janeiro de 2010

Presente de casamento...


"O problema do casamento são as diferenças de expectativas:
a mulher acha que o homem vai mudar após o casamento,
enquanto que o homem acha que a mulher não vai mudar após o casamento.”

( Autor Desconhecido )


Já recebi este vídeo, por e-mail, algumas vezes. Todas elas me diverti muito. Talvez, você também já tenha visto. E com certeza dará boas gargalhadas (ou não) novamente. Se ainda não viu, esta é uma oportunidade única. Para encerrar estas pequenas elucubrações que não levarão a lugar nenhum, nada melhor que uma frase do mestre Nelson Rodrigues. A frase, a bem da verdade, não tem nada a ver com o vídeo. Pouco importa. Adoro a maneira utilizada pelo Nelson Rodrigues para escancarar o ser humano e sua natureza. Então vou colocar a frase assim mesmo. Perdoem-me.

"Os padres querem casar.
Mas quem trai um
celibato de dois mil
anos há de trair um casamento em quinze dias.”
(Nelson Rodrigues)


video


A sombra do vento


“Contemplei aquele homem que eu outrora imaginava forte,
quase invencível, e o vi frágil, vencido sem que ele próprio soubesse.
Talvez estivéssemos vencidos os dois. Inclinei-me (...) e beijei-o na testa,
como se quisesse assim protegê-lo dos fios invisíveis que o
afastaram de mim, daquele pequeno apartamento e das minhas
lembranças, como se achasse que com aquele
beijo poderia enganar o tempo e convencê-lo a não nos atingir
, a voltar outro dia, em outra vida.”
(Carlos Ruiz Zafón em A sombra do vento)

A sombra do vento, romance de Carlos Ruiz Zafón. Acabei de ler o livro e corri para indicá-lo. O livro nos convida a percorrer as ruas de uma Barcelona franquista mergulhada no pós-guerra. Daniel Sempere encontra, no cemitério de livros esquecidos, um livro, A sombra do vento, escrito por Julián Carax. Obcecado, decide procurar por outras obras do autor e descobre que os livros estão sendo destruídos por alguém. No meio da aventura personagens fantásticos a ele se juntarão. É o caso de Fermín Romero de Torres. A leitura do livro já é válida apenas por esta personagem. “A Sombra do Vento usa o cenário grandioso de Barcelona, com suas largas avenidas, seus casarões abandonados, sua atmosfera gótica e espectral, para ambientar um romance arrebatador que é também uma reflexão sobre o poder da cultura e a tragédia do esquecimento. A busca de Daniel marca sua transformação de menino em homem, e desperta no leitor um fascínio renovado pelos livros e pelo poder que eles podem exercer. Ao ler A Sombra do Vento, o desejo que se tem é de, assim como o menino Daniel, abrir as portas do Cemitério dos Livros Esquecidos e descobrir em seus infindáveis corredores o livro que mudará nossas vidas.” (veja crítica completa do site www.editoras.com)

segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

Dez coisas que precisamos entender...


“Fé é a habilidade de não entrar em pânico.”
(Autor desconhecido)


Tenho muito cuidado em publicar textos com conteúdo religiosos. Quem me conhece entenderá as razões. Mas resolvi publicar este. Recebi pela internet. Infelismente não sei o autor... Se alguém o souber gostaria de dar o devido crédito.

Noé era um bêbado
Abraão era velho demais
Isaque era medroso
Jacó era um mentiroso

Léia era feia
José era um escravo
Moisés era gago e incapaz de falar em público
Gideão teve dúvidas que Deus o teria escolhido

Sansão tinha cabelos compridos e era adúltero
Jeremias e Timóteo eram jovens demais
Davi cometeu um adultério e um assassinato
Elias era suicida

Isaías pregava nu
Jonas fugiu de Deus
Raabe era uma prostituta
Jó foi a falência e perdeu a saúde

João Batista era uma figura excêntrica e até comia insetos
Maria Madalena tinha sido possuída por 7 demônios
Noemi era uma viúva desamparada

Paulo era religioso demais, fanático

Pedro negou Cristo
Os Discípulos adormeceram enquanto oravam
Marta era agitadíssima e invertia as prioridades
A mulher samaritana era divorciada, mais do que uma vez

Zaqueu era pequeno demais
Timóteo tinha uma úlcera...
E Lázaro estava morto!

E não esqueça: Jesus ajudou todos eles!!!!

Deus pode usar seu potencial por completo!!!
Além disso, você não é a mensagem, você é apenas o mensageiro.
No círculo de amor de Deus, Deus está esperando para usar o seu potencial.

10 coisas que precisamos entender….

1. Deus quer frutos espirituais, não tolices religiosas.
2. Não existe chave para a felicidade. A porta está sempre aberta.
3. Silêncio é geralmente mal interpretado, mas nunca citado erroneamente.
4. Faça a matemática... Calcule suas bençãos.
5. Fé é a habilidade de não entrar em pânico.
6. Se você se preocupa, você não orou. Se você ora, não se preocupe.
7. Como uma criança de Deus, a oração é como ligar para casa todos os dias.
8. As coisas mais importantes na sua casa são as pessoas.
9. Quando estamos enrolados com nossos problemas, fique calmo.
Deus quer que sejamos calmos para que Ele desamarre os nós.
10. A mágoa é uma coisa muito pesada para carregar. Perdoe.

Trate melhor do que o necessário todo aquele que você souber que está enfrentando algum tipo de batalha.

Viva simplesmente,
Ame generosamente,
Cuide profundamente e
Fale gentilmente.......
Deixe o resto com Deus!

domingo, 3 de janeiro de 2010

Para pensar...


"Primeiro foi necessário civilizar o homem
em relação ao próprio homem.

Agora é necessário civilizar o homem em

relação à natureza e aos animais.”

(Victor Hugo)


Victor Hugo morreu em 1885. Há cem anos ele entendeu e alertou sobre o que estava por vir. Victor Hugo era um gênio. Hoje, não é mais necessário ser gênio para entender. Basta ver o noticiário. Assim como ocorreu em relação ao homem, serão necessários milhões de anos para conseguir civilizar o ser humano, como propôs o autor francês, em relação à natureza. A humanidade não passará impune. O homem tem ignorado suas ações. Aos poucos, ou não tão aos poucos, a natureza dará sua resposta. Ela já está respondendo. Os protestos de ambientalistas e ONGs ligadas à preservação da natureza nunca tiveram a atenção devida. Todo mundo sabia que eles estavam com toda a razão. Poucos mudaram seus hábitos em prol da conservação do planeta.
Uma idéia pode ser transmitida de muitas maneiras. Com criatividade é ainda melhor. Talvez, para começarmos a respeitar a natureza incondicionalmente ainda levará milhões de anos. Com certeza, muitos ainda pagarão com a própria vida. Sem dúvida, o vídeo a seguir é um ótimo exemplo que alguns já entenderam a importância de mudarmos nossa atitude.

video

sábado, 2 de janeiro de 2010

Envelhecendo em um minuto...


...5... 4... 3... 2... 1... Adeus ano velho. Feliz ano novo. Pois é, nem bem começou o ano e diversas catástrofes acontecem pelo Brasil afora. O que fazer? Meu primeiro dia do ano começou com a notícia da pousada que desabou em Ilha Grande. Meu irmão está em Ilha Grande! Celular. Caixa postal. Ligo para minha irmã. Ela consegue falar com ele. Ufa! Vamos continuar comemorando então. Desta forma acabaremos todos envelhecendo mais rápido. Em um minuto fiquei mais velho. Encontrei este vídeo na internet. Mais um.
Envelhecendo em um minuto. Encontrei apenas a versão dublada. Uma pena.

video