quinta-feira, 4 de fevereiro de 2010

Sonhos...


“Uma cena que parece pintura não faz uma pintura.
Olhando com atenção verá que toda natureza tem a sua beleza.
E quando há essa beleza natural, eu simplesmente me perco nela.
Então, como num sonho, a cena se pinta sozinha para mim”.
(do filme Sonhos de Akira Kurosawa)



Sonhos. De Akira Kurosawa. Poucas pessoas possuem paciência para entender o mestre Kurosawa. Talvez seja apenas uma questão de gosto. A cena, aqui reproduzida, é o final do filme. Os sonhos, apresentados no filme, são baseados nos sonhos verdadeiros do diretor japonês. Fico pensando. Seria bom poder reproduzir nossos sonhos. Kurosawa o fez. Sonhou duas vezes. O filme é brilhante. Mas nem todos gostarão. Que pena. Esta é a cena, do filme, que me é reminiscente...

video

Nenhum comentário: