domingo, 28 de novembro de 2010

She - Elvis Costello


"Ela
pode ser o rosto que eu não consigo esquecer
O caminho para o prazer ou para o desgosto
Pode ser meu tesouro ou o preço que eu tenho que pagar
Ela pode ser a música de verão
Pode ser o frio que o outono traz
Pode ser cem coisas diferentes
Em um dia"


Talvez eu seja mesmo um babaca! Segundo o dicionário, babaca é alguém muito ingênuo. Não sei se sou ingênuo. Dane-se! Vivo àquilo que acredito. Como cantou a Legião Urbana: “É que eu já me acostumei, com a estrada errada que eu segui e com a minha própria lei...”
Já coloquei, em outra oportunidade uma cena deste filme. Na verdade, esta postagem poderia ser uma reticência. Não é a cena o importante. É a música. Minha vida é com trilha sonora. Sempre foi!

video

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Bizarre Love Triangle....


"Toda vez que penso em você
Eu sinto passar por mim um raio de tristeza
Não é um problema meu mas é um problema que achei
Vivendo uma vida que não posso deixar para trás
Não faz sentido em me dizer
"A sabedoria de um tolo não vai te libertar"
Mas é assim que as coisas são
E é o que ninguém sabe
E a cada dia minha confusão cresce"


Não vou escrever nada. Não porque não tenha o que dizer. Apenas não quero. Desculpem. Quem me conhece saberá entender as entrelinhas. Saberá apenas. Enviei este vídeo por e-mail um dia destes. Mas, e-mails nem sempre chegam aos seus destinatários... Agora, interpretem como quiserem. Cada um à sua maneira...

video

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Saudades daquela chuva...


Henry Miller é meu escritor preferido. Reservarei então um espaço para seus textos. Desta maneira o amigo, leitor destas reminiscências, terá a oportunidade de conhecer um pouco do universo de Miller...


"Alguns pressentem a chuva;
outros contentam-se em molhar-se."

(Henry Miller)


Eu adorava a chuva. Não me importava. Ficava encharcado e feliz. Foi uma época diferente e já muito distante. A frase de Miller me trouxe estas recordações. São boas lembranças. Nunca pressenti a chuva. Contentava-me em ficar molhado. Sou assim! Preciso sentir. Hoje, ficou a saudades daquela chuva...

domingo, 21 de novembro de 2010

O Valioso Tempo dos Maduros - Mario de Andrade



"O essencial faz a vida valer a pena.
E para mim, basta o essencial!"


Contei meus anos e descobri que talvez terei menos tempo para viver daqui para frente do que já vivi até agora.
Tenho muito mais passado do que futuro. Sinto-me como aquele menino que recebeu uma bacia de cerejas. As primeiras ele chupou displicente, mas percebendo que faltam poucas, rói o caroço.
Já não tenho tempo para lidar com mediocridades. Não quero estar em reuniões onde desfilam egos inflamados. Inquieto-me com invejosos tentando destruir quem eles admiram, cobiçando seus lugares talentos e sorte.
Já não tenho tempo para conversas intermináveis, para discutir assuntos inúteis sobre vidas alheias que nem fazem parte da minha.
Já não tenho tempo para administrar melindres de pessoas que, apesar da idade cronológica, são imaturas.
Detesto fazer acareação de desafetos que brigaram pelo majestoso cargo de secretário-geral do coral.
As pessoas não debatem conteúdos, apenas rótulos.
Meu tempo tornou-se escasso para debater rótulos, quero a essência, minha alma tem pressa...
Sem muitas cerejas na bacia, quero viver ao lado de gente humana; que sabe rir de seus tropeços, não se encanta com triunfos, não se considera eleita antes da hora, não foge de sua mortalidade.
Quero caminhar perto de coisas e pessoas de verdade,
O essencial faz a vida valer a pena. E para mim, basta o essencial!

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

U2 - Magnicent


"I was born
I was born to be with you
In this space and time
After that and ever after I haven't had a clue

Only to break rhyme
This foolishness can leave a heart black and blue
..."

video

"Only love, only love can leave such a mark
But only love, only love can heal such a scar
..."


segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Décimo oitavo contato


AMIGO EMERSON, COMO VAI? ESPERO QUE AS CARTAS SEJAM DE GRANDE AJUDA.

Agarre o que a vida lhe oferece. Talvez possa parecer estranho. Por aqui, a vida continua. Não tenha uma impressão errada. Não estou parado no tempo. Ou melhor; não estamos. Nos últimos meses, muita coisa mudou. Como sabe, continuo com meu propósito de pouco (ou quase nada) revelar-lhe sobre o futuro. Assim, não comentarei sobre estas mudanças. Elas pouco importam para você agora. O problema é: eu mudei. A vida fez isso. Não vejo mais a vida como antes. Tenho levado um tempo maior para processar os fatos. Então, tenha paciência. Não sei por onde começar. Ou melhor, continuar. A ideia de escrever-lhe tinha como finalidade exorcizarmos alguns fantasmas. Nunca foi minha intenção mudar minha vida através de você. Também não quero que deixe de viver tudo aquilo que a vida lhe tem oferecido. Seja bom ou ruim, não importa. O problema? Não sei mais se os fantasmas devem mesmo ser exorcizados. Não sei mais reconhecê-los. Nem mesmo sei se eles ainda existem. Muitos perderam a importância ou foram exorcizados agora. Foi você? A vida é mesmo engraçada. Na verdade, hoje, gostaria de encontrar um envelope sob a porta. Abrir e ver uma carta de um Emerson alguns anos à frente. Agora, não queria escrever. Precisava ler. Ser conduzido. Há mais ou menos um ano enviei-lhe a primeira carta. Acreditava ser o momento correto. Acho que novos fantasmas apareceram. Desculpe. Não quero preocupar-lhe. Apenas dizer-lhe que a vida é assim: nada está definido. Vou deixar-lhe uma frase. Sem muitas explicações. Apenas absorva e não esqueça sua mensagem. Tentarei fazer o mesmo. Acredite, não é nada fácil. "A maioria de nós está em contato com nossa intuição quer saibamos disto ou não, mas normalmente temos o hábito de duvidar dela ou contradizê-la tão automaticamente que nós nem percebemos que ela tem falado." (Shakti Gawain). Confie na sua intuição!

AMIGO. TENHA PACIÊNCIA. E CLARO; VIVA INTENSAMENTE. UM GRANDE ABRAÇO.

---------------------------------------------

Para entender as cartas...

Primeiro Contato
Segundo Contato
Terceiro Contato
Para saber mais procure em: Pesquisar este blog.

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

ENEM... Alguém confia?


"De tanto ver triunfar as nulidades,
de tanto ver crescer as injustiças, de tanto ver
agigantar-se os poderes nas mãos dos homens, o homem chega
a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter
vergonha de ser honesto."
( Rui Barbosa )


A notícia está no site do Correio Brasiliense: “(...) dos R$ 183 milhões gastos na edição atual do teste, apenas 15% foram efetuados por meio de licitação. O restante — R$ 150 milhões — diz respeito a serviços contratados sem seguir a norma que rege quase todas as despesas do governo (...)” (Leia reportagem completa)

183 milhões! Para fazer uma prova! Imaginem... Realmente, fazer uma prova não deve ser simples. Como poderia? Apenas um ano para preparar! Gostaria de saber: quais foram os serviços contratados sem a licitação? Qual foi o critério? Quem foi beneficiado?
183 milhões e estão querendo anular a prova. Continha muitos erros. Claro, com tão pouco tempo! Em breve deve sair o resultado e junto o ranking das escolas melhores classificadas. Quanta credibilidade... Alguém confia?

terça-feira, 9 de novembro de 2010

Coldplay - Lovers in Japan


Reticências. Três pontos. Do latim: reticere (calar alguma coisa). Indica pensamento ou idéia que ficou por terminar. Omissão de algo que podia ser escrito. Mas não foi. Reticências.

-------------------

Amantes, continuem no caminho em que estão
Corredores, até que a corrida acabe
Soldados, vocês tem que ser fortes
As vezes até o certo é errado


video


Eles estão virando minha cabeça do avesso
Para ver do que eu sou feito
Mantêm minha cabeça baixa

Para ver o como se sente agora
Mas eu não tenho dúvidas
Um dia, nós sairemos daqui.

Hoje a noite talvez fugiremos
Sonhando com o sol de Osaka

Ohohohoh ohohohoh oh
Sonhando com quando a manhã virá

Eles estão virando minha cabeça do avesso
Para ver do que eu sou feito
Mantêm minha cabeça baixa
Para ver como se sente agora
Mas eu não tenho dúvidas
Um dia o sol irá sair

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Andrea Dorea


"Mas percebo agora
Que o teu sorriso
Vem diferente
Quase parecendo te ferir..."


video

"Nada mais vai me ferir
É que eu já me acostumei
Com a estrada errada
Que eu segui
E com a minha própria lei..."

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

31 de outubro...


"Aprendamos a esperar sempre sem esperança; é o segredo do heroísmo."
( Maurice Maeterlinck )

Trinta e um de outubro. Dia das bruxas. Parabéns a todas elas. Bruxa não é como fantasma. Em fantasma você pode acreditar ou não. Com bruxa é diferente. Bruxa todo mundo conhece uma. Ou não?
Trinta e um de outubro. Dilma presidente. Calma! Não quero dizer nada com isso. Não me culpe se você fez alguma associação. Dia das bruxas e eleição presidencial são coisas muito diferentes. Mesmo que a candidata eleita... Enfim, como ia dizendo... Em seu primeiro pronunciamento após o anúncio do resultado do segundo turno, segundo o site da Globo, ela fez um apelo para que todos os setores da sociedade a auxiliem na tarefa de erradicar a miséria do Brasil. Acho que todos deveremos fazer uma fila. E então ela apertará cada dedinho para ver se estamos engordando. Fico me perguntando: o que ela fará por todos os setores da sociedade? Não sei. Em questões políticas já perdi a esperança faz muito tempo. Mas não estou aqui para falar de política. Estava falando sobre bruxas...