quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Terceiro contato


CARO EMERSON, ESTOU LHE ENVIANDO A TERCEIRA PARTE DA CARTA ENDEREÇADA A VOCÊ. SIGO, FIELMENTE, AS INTRUÇÕES DEIXADAS PELO REMETENTE.

Mais um dia entenderá. A vida não é tão simples quanto gostaríamos. Li que "As ações mais decisivas de nossas vidas - aquelas que mais provavelmente decidem todo o curso de nosso futuro - na maioria das vezes, não são levadas em conta." Como já lhe falei, não quero falar sobre o futuro. Sabemos ser desnecessário. Você sempre soube aonde queria chegar e nunca duvidou que um dia fosse conseguir. Mas acredite, não é bem assim. Não quero dizer que nos arrependeremos de algo que fizemos ou deixamos de fazer. Não é isso. Acontece que seríamos um tanto tolos se ignorássemos ou deixássemos de aprender com nossas experiências. Com o passar do tempo, ficará mais fácil para você entender o que estou querendo dizer. Como falei, não há outra maneira. Serei direto e poderá parecer indelicadeza. Mas lembre-se; ninguém, mais do que eu, está interessado em sua felicidade. Desculpe estar sendo repetitivo, mas não quero que se esqueça disso. Sabe aquele show que você tanto aguarda? Está chegando não é mesmo? Sei que está ansioso, mas vou lhe dar um conselho e, é melhor me escutar. Antes de o show acontecer, procure um dentista. Por mais estranho que possa parecer lembre-se do que falei sobre nossas experiências. É incrível como uma coisa à toa pode ficar para sempre em nossa memória. Você também espera ansiosamente pela Copa do Mundo. Eu sei; oitenta e dois foi mesmo muito triste. Lembra-se dos amigos que junto com você assistiram ao trágico jogo naquela garagem? No futuro tente não perder contato com eles. Sei que a vida acaba nos distanciando, você já pode perceber. E a Copa que se aproxima... Bem, acho melhor eu me calar e deixar você passar por estas emoções. Elas serão fundamentais na formação da pessoa que você irá se tornar. Um dia talvez...

AGUARDE A CONTINUAÇÃO. SERÁ ENVIADA ASSIM QUE POSSÍVEL. SAUDAÇÕES.

Nenhum comentário: